Evento APDC

21.11
Congresso



Sector das TIC e New Media analisou presente e futuro

22º Congresso das Comunicações

Para crescer é preciso, cada vez mais, navegar na inovação. E procurar novas rotas que conduzam a novas vagas de oportunidades de negócio. Mas para onde se poderá navegar? Que novos e renovados caminhos de exploração se perspetivam? Quais as tendências tecnológicas? O que querem e esperam os clientes? Quais os mercados que se posicionam como estratégicos para Portugal?

Estas são algumas das questões a que o 22º Congresso das Comunicações tentou responder ao longo dos dois dias do evento, sob o mote "Um Mar de Oportunidades". Porque este é o momento de, olhando as TIC e New Media de uma forma holística e abrangente e sendo esta uma indústria com um papel de tal forma ubíquo em todos os domínios da Economia e da Sociedade, de o sector participar ativamente numa reflexão permanente e de horizontes largos sobre novos modelos de desenvolvimento para o País, que permita materializar o desígnio de um Portugal simultaneamente competitivo e equitativo.

Ao longo dos dois dias de debate, um vasto conjunto de oradores nacionais e internacionais debateram e identificaram as potenciais oportunidades de novos negócios para as TIC e New Media nacionais em todas as vertentes - regulação, media, sector postal, redes, saúde, mobilidade, marketing digital, mercado global, tecnologia, entre outros - e analisar case-studies internacionais e nacionais. Mostrando que existe "Um Mar de Oportunidades", que Portugal tem um enorme potencial que há que aproveitar e que passa pelas TIC e New Media, cada vez mais um fator crítico de competitividade e um motor de desenvolvimento, podendo desempenhar um papel decisivo no processo de transformação estrutural que urge implementar.

Mostraram-se ainda os desafios e as oportunidades que a Economia do Mar pode trazer para a indústria das TIC e New media, nomeadamente como plataforma aceleradora de um sector que se assume como um verdadeiro desígnio nacional para o desenvolvimento do País. Num cenário de globalização, todos os negócios ligados ao mar - desde os portos, logística, transporte marítimo, construção e reparação navais até aos novos negócios da ‘green economy' , passando pela exploração dos recursos naturais - vão conduzir a novos investimentos, onde a incorporação de tecnologias das TIC é crucial e irreversível. Por isso, esta indústria assume-se como a plataforma tecnológica por excelência para a aceleração do desenvolvimento sustentado da Economia do Mar.

Programa


Vai acontecer na APDC

2017-06-28

APDC e NOS realizam novo Digital Business Movies

2017-07-04

Chairman e CEO da PT Portugal é o orador do 3º encontro de 2017