Ericsson reforça parceria com Deutsche Telekom com contrato 5G

2020-07-23 A Ericsson e a Deutsche Telekom, o maior grupo de telecomunicações europeu em termos de receitas, reforçaram a sua parceria, com a realização de um novo contrato plurianual para a implementação da rede de acesso por rádio (RAN) 5G no mercado alemão.

Nos termos do contrato, terá lugar ao longo dos próximos anos a atualização de diversas instalações de redes móveis para a mais recente tecnologia de 5G, através dos produtos e das soluções do sistema de rádio da Ericsson. A fabricante foi a responsável pela modernização em conjunto das suas redes de rádio 2G, 3G e 4G ao longo dos últimos dois anos.

Também será implementada a premiada solução de partilha de espetro da Ericsson, permitindo que a Deutsche Telekom faça a gestão dinâmica do tráfego de 4G e de 5G na sua rede por meio da utilização eficiente do espetro já existente, o que melhorará a cobertura, o desempenho e a mobilidade.
"Estamos muito felizes por termos encontrado na Ericsson um parceiro que é, também, um fornecedor de 5G líder e que já nos deixou convencidos no passado com a modernização da nossa rede de acesso móvel. Após a referida modernização ter sido realizada de forma fiável e atempada, também temos expetativas elevadas para a implementação do 5G na rede de antena", refere Claudia Nemat, Membro do Conselho para a Inovação e Tecnologia da Deutsche Telekom.

"Este contrato de 5G é um testemunho da parceira de longa data excecional que criámos com a Deutsche Telekom, tanto aqui na Alemanha, como em toda a Europa. Com a nossa experiência global e tecnologia líder, implementaremos uma rede de 5G de excelente qualidade na Alemanha em conjunto com a DT. Estamos entusiasmados com este novo capítulo na nossa relação", acrescenta Arun Bansal, Presidente para as regiões da Europa e América Latina da Ericsson.

Além da sua colaboração no campo das redes móveis públicas, as duas empresas também trabalham em proximidade no fornecimento de redes móveis privadas, as chamadas redes de campus, a empresas industriais. Mais recentemente, estas empresas parceiras foram responsáveis por, em conjunto, equipar as instalações fabris da BMW e da Osram.

Fortuna pessoal já ultrapassa os 100 mil milhões de dólares


Por temer reforço da posição na publicidade online da tecnológica


Foi a única fabricante a subir vendas dos smartphones


Gigante prepara operação para a maior procura até final do ano


Gigante tem 3,14 mil milhões de utilizadores mensais nas suas plataformas


Apesar das vendas terem recuado pela 1ª vez em 16 anos


Tecnológica fatura 128 milhões de euros anualmente


Depois de Donald Trump ter admitido proibir a operação da rede social no país


Big tech foram inquiridas sobre as suas práticas no mercado