Facebook bate recordes mas faz advertências

2018-02-01 Os lucros do Facebook subiram 61% no 4º trimestre do ano passado, graças ao reforço dos utilizadores móveis. E as receitas voltaram a superar as previsões, pelo 11º trimestre consecutivo. Mas os dados dos utilizadores da maior rede social do mundo desapontaram o mercado. E o co-fundador, Mark Zuckerberg, admitiu que 2017 foi um dos anos mais difíceis para a companhia, advertindo que os investimentos na segurança poderão impactar os resultados futuros.

“Estamos a investir tanto em segurança que isso irá impactar a nossa rentabilidade”, admitiu o fundador da gigante online. Só na área de segurança, o grupo planeia admitir mais 10 mil novos empregados até final deste ano, para combater as fake news e os abusos.

Mas os resultados do seu 3º trimestre do ano fiscal voltaram a bater recordes, com a companhia a anunciar receitas de mais de dez mil milhões de dólares pela primeira vez, graças aos seus mais de seis milhões de clientes que pagam publicidade. No total, conseguiu receitas de 10,33 mil milhões de dólares, mais 47% que um ano antes, e os lucros foram de 4,26 mil milhões. Os utilizadores ativos mensais da rede social foram 2,07 mil milhões, depois dos 2,01 mil milhões no trimestre anterior. Registou 1,37 mil milhões de utilizadores ativos diários, contra 1,32 mil milhões.

Mas o relatório também mostrou alguns dados que preocuparam o mercado, como os sinais crescentes de desaceleração do negócio, o que aconteceu pelo 5º trimestre consecutivo, e que a empresa espera que se mantenha no futuro. Outro dado foi a duplicação de contas, que agora devem representar 10% dos seus mais de dois mil milhões de utilizadores mensais, contra uma estimativa anterior de 6%.

Os mercados ficaram ainda preocupados com as advertências quanto ao futuro e o facto de 2018 ser um ano de significativos investimentos, já que a prioridade será a segurança.

2018-11-09 | Atualidade Nacional

Terminou mais uma edição do maior encontro europeu de inovação e empreendedorismo


2018-11-09 | Atualidade Nacional

No âmbito do acordo a 10 anos assinado em outubro


Negócio deverá estar concluído no 1º semestre de 2019


Para financiar investimento em startups tecnológicas


2018-11-12 | Breves do Sector

Parceria para o segmento empresarial


2018-11-05 | Breves do Sector

Grupo é parceiro tecnológico do evento pelo 3º ano consecutivo