Facebook reorganiza lideranças no grupo

2018-05-09 A gigante Facebook está a proceder a uma reestruturação nas suas lideranças, a maior deste a sua criação, há cerca de 15 anos. O fundador Mark Zuckerberg e a nº 2 Sheryl Sandberg vão manter-se nos cargos. Já Chris Cox, próximo de Zuckerberg, ficará agora a liderar as aplicações Facebook, Instagram, Whatsapp e Messenger.

A tentar recuperar a sua imagem, depois do escândalo à escala global da Cambrigde Analytica e da utilização ilegal dos dados pessoais de 87 milhões de utilizadores, avançou ainda com uma reorganização das equipas dedicadas de produtos e tecnologia. Assim, criou três unidades, uma das quais para blockchain, uma plataforma digital para bens virtuais, que será dirigida por David Marcus, até agora à frente do Messenger. Javier Olivan fica com uma divisão transversal dedicada à segurança e à publicidade nos diversos produtos do grupo.

As alterações surgem também depois de Jan Koum, co-fundador do Whatsapp, que foi comprado em 2014 pelo Facebook por 19 mil milhões de dólares, ter anunciado a sua saída da rede social por alegadas divergências quanto à confidencialidade dos dados pessoais.
 

2018-05-25 | Atualidade Nacional

Para o desenvolvimento de competências em gestão de informação


2018-05-25 | Atualidade Nacional

Multinacional francesa lança iniciativa de captação internacional


Por violação de patentesda marca da maçã


Europeus têm mais controlo sobre recolha e utilização de dados pessoais


2018-05-25 | Breves do Sector

Para ajudar a implementar o Regulamento Europeu de Proteção de Dados


2018-05-21 | Breves do Sector

Incluem o conversível empresarial mais pequeno do mundo