Lucros do Facebook voltam a disparar até março

2018-05-02 A maior rede social do mundo não para de crescer, mesmo esteja a enfrentar a que deverá ser a sua maior crise de sempre , na sequência do escândalo da utilização dos dados dos seus utilizadores pela Cambridge Analytica. Os lucros voltaram a disparar no primeiro trimestre, período em que ganhou mais 70 milhões de utilizadores.

Mark Zuckerberg voltou a superar as expetativas mais otimistas dos analistas, já que as receitas do Facebook subiram quase 50% face aos primeiros três meses de 2017, para 11,97 mil milhões de dólares. Os lucros cresceram 63%, fixando-se em quase 5 mil milhões de dólares. E aumentou o número de utilizadores em 70 milhões, passando de 2,13 mil milhões utilizadores no final de 2017 para 2,2 mil milhões em março.

A apresentação dos primeiros resultados trimestrais, depois de ter rebentado o escândalo em que a empresa está envolvida, em março, estava a despertar muita curiosidade, depois do seu fundador e líder ter ido ao Congresso norte-americano e de ter anunciado medidas para proteger os utilizadores. Uma delas acabou de ser anunciada: o Facebook vai permitir aos utilizadores apagarem o histórico de sites visitados e aplicações usadas, informações que são recolhidas e guardadas pela rede social. Mas isso implicará alguns entraves à experiência na rede social, uma vez que “o Facebook não será tão bom enquanto vai reaprendendo as preferências” do utilizador.

Segundo Zuckerberg, “uma coisa que aprendi da experiência de testemunhar no Congresso é que eu não tenho respostas suficientemente claras para algumas questões acerca dos dados. Estamos a trabalhar para que esses controlos sejam mais fáceis e teremos novidades em breve”.

Outra novidade é a sua entrada, e em concorrência direta com o Tinder, no mercado do dating. Está a desenvolver uma ferramenta para permitir aos utilizadores procurarem parceiros através da rede social. Promete, através da própria conta do utilizador ou de uma conta autónoma da ferramenta, que será possível procurar amor. Juntando os interesses, gostos dos utilizadores e amigos na plataforma, a rede social oferece sugestões de match. Os testes vão começar no final do ano.

2018-10-18 | Atualidade Nacional

Na definição dos novos parâmetros de qualidade do serviço


Alemã sobre previsões para o total do ano


Graças à procura de 5G nos EUA e aos upgrades na Europa


2018-10-19 | Breves do Sector

Acaba de ser inaugurada no Porto