Vodafone reduz até 25% dos postos de trabalho em Espanha

2019-01-10 Para responder à quebra das receitas e preparar-se para um mercado cada vez mais competitivo, a Vodafone Espanha anunciou que pretende cortar até 1.200 postos de trabalho, o equivalente a cerca de 25% da sua força de trabalho naquele país. As negociações começam já no final de janeiro.

A subsidiária espanhola, liderada pelo português António Coimbra, anunciou em comunicado que vai iniciar negociações com os representantes dos trabalhadores no final do mês,  para cortar um máximo de 1.200 postos de trabalho. Emprega cerca de 5.100 pessoas em Espanha.

"No contexto atual do mercado, a procura por serviços está a aumentar exponencialmente, mas os preços não: perto de 50% das assinaturas estão associadas a ofertas de baixo e médio custo", diz o comunicado. Esta realidade provocou uma queda nas receitas e nos lucros nos primeiros seis meses do atual ano fiscal.
 
 

2019-06-26 | Atualidade Nacional

Por determinação do regulador das comunicações


2019-06-17 | Atualidade Nacional

No decurso do MOCHE XL Esports by Huawei


Oferta de 3,6 mil milhões de euros é amigável


Para promover colaboração com a indústria e estabelecer padrões comuns


2019-06-26 | Breves do Sector

Dedicado ao tema “Purpose is the New Digital”


2019-06-26 | Breves do Sector

Localidade alentejana passa a ter cobertura de 100% a alta velocidade