Altice Portugal quer lançar Altice Bank

2018-10-17 A Altice Portugal está a discutir ativamente com dois bancos nacionais no sentido de lançar uma oferta de serviços financeiros de nova geração já em 2019 e avançar com o projeto do Altice Bank. A notícia foi dada pelo presidente executivo da empresa, Alexandre Fonseca, em entrevista à Reuters.

“A Altice Portugal está a falar com duas instituições financeiras nacionais sobre a possibilidade de expandir a sua oferta para a área de serviços financeiros. É natural que no próximo ano talvez possamos assistir de facto ao continuar do alargamento do nosso portefólio de produtos e serviços também à área financeira”, refere o líder do grupo.

Falhado o negócio da compra da Media Capital, a Altice está assim a retomar um projeto que é conhecido desde 2017: o lançamento de um banco digital, o Altice Bank. Alexandre Fonseca assume na entrevista o alargamento do portefólio do grupo no país: “vamos continuar a trabalhar na lógica de melhorarmos os nossos serviços e sermos disruptivos, não apenas naquilo que oferecemos na área tradicional, mas também aparecermos em áreas que não seriam tão suspeitas”.

No projeto do banco digital, a dona da MEO não está a trabalhar com a banca tradicional de retalho, mas sim com “os seus canais digitais de serviços de nova geração na área financeira, que em Portugal ainda estão pouco evoluídos e podem ser exponenciados com sinergias com uma entidade como uma Telecom”. O gestor adiantou que “estas parcerias ou sinergias com o setor financeiro terão de ser feitas com instituições financeiras com credibilidade, com espaço firmado, de preferência instituições nacionais, que são as que conhecem melhor o mercado”.

Já na área dos media, e tendo em conta convergência global entre empresas de media e telecomunicações, que "está a acontecer porque tem de acontecer, não há alternativa", o grupo mantém a estratégia. “Estamos tranquilamente a procurar sinergias neste momento, e quando for oportuno analisaremos oportunidades que possam surgir e que também decorram de uma postura regulatória e de concorrência distinta daquela que infelizmente nós verificámos com este processo da Media Capita”, disse Alexandre Fonseca, deixando claro que “o caso Media Capital está encerrado e não há, neste momento, nenhuma perspetiva de aquisição no horizonte".
 
 

2019-04-18 | Atualidade Nacional

Na sequência da posição tomada pelo regulador


2019-04-18 | Atualidade Nacional

Anacom ficará com responsabilidade sobre o serviço informativo 118


Rede social estreia-se hoje na Wall Street


Suíça é o primeiro país da Europa a disponibilizar serviços


2019-04-15 | Breves do Sector

Sistema de gestão de tráfego aéreo não tripulado poderá reduzir as emissões de CO2 até 25%


2019-04-10 | Breves do Sector

Através da automatização de processos nos vários setores industriais