Banco CTT associa-se a fintech para apoiar PME

2018-10-24 O Banco CTT e a startup nacional Netinvoice estabeleceram uma parceria no âmbito da intermediação de faturas de pequenas e médias empresas (PME). Através dela, cria-se liquidez na plataforma da Netinvoice, ajudando as necessidades de tesouraria das PM, ao mesmo tempo que se reforça a aposta do banco do grupo CTT em linhas de negócio simples e inovadoras, assentes em processos digitais.

A Netinvoice, uma startup com capital 100% nacional, que tem como principal parceiro o Banco CTT, é uma plataforma de intermediação de faturas emitidas por PME. Coloca em contacto vendedores e compradores e procura colmatar a falta de oferta de soluções digitais e não financeiras disponíveis às empresas portuguesas para a otimização da sua tesouraria.

O novo projeto foi apresentado ontem e é liderado por um ex-administrador do Banco de Portugal, Carlos Varela, que detém 50% do seu capital. Pretende-se desenvolver soluções tecnologicamente inovadoras que permitam a ligação das PME, a sua necessidade de liquidez e a vontade de retorno dos investidores. Assim, ajuda-se as empresas a desenvolverem-se sem se endividarem.

A principal vantagem apontada para as empresas que têm faturas por receber e se registam na plataforma da Netinvoice é a rapidez com que podem receber o montante em dívida: 90% no momento e os restantes 10% numa fase posterior.
Sendo o Banco CTT o parceiro principal do negócio, já elencou um conjunto de 14,7 mil empresas sobre as quais não há grande risco, pelo que as faturas passadas sobre estas empresas estão já pré-aprovadas. Em causa estão as empresas clientes das vendedoras das facturas e não as vendedoras.

O investimento inicial da startup, que foi criada em julho do ano passado, mas que só agora avança é de 1 milhão de euros. Além dos 50% do seu fundador, o restante capital é detido pela  Expand Capital, empresa dos antigos altos responsáveis do Banif.

 
 

2018-11-09 | Atualidade Nacional

Terminou mais uma edição do maior encontro europeu de inovação e empreendedorismo


2018-11-09 | Atualidade Nacional

No âmbito do acordo a 10 anos assinado em outubro


Negócio deverá estar concluído no 1º semestre de 2019


Para financiar investimento em startups tecnológicas


2018-11-12 | Breves do Sector

Parceria para o segmento empresarial


2018-11-05 | Breves do Sector

Grupo é parceiro tecnológico do evento pelo 3º ano consecutivo