Concorrência aprova marketplace dos CTT com Sonae

2018-07-31 A Autoridade da Concorrência deu luz-verde à parceria entre os CTT e a Sonae na área do comércio eletrónico, com a criação de uma plataforma de marketplace. O regulador considera que esta joint-venture, que visa a criação de uma nova empresa, num investimento conjunto até 15 milhõies de euros, “não é suscetível de criar entraves significativos à concorrência efetiva nos mercados relevantes e relacionados identificados”.

O projeto foi anunciado pelos dois parceiros a 14 de junho, com a assinatura do acordo. Pretende-se criar uma sociedade que terá como acionistas os CTT (50%) e a Sonae (50%), que irá explorar uma plataforma de comércio eletrónico para a prestação de serviços de intermediação de relações comerciais entre comerciantes e consumidores.
Na altura, avançou-se com uma estimativa de 10 a 15 milhões de euros para o investimento necessário para a implementação do projeto, valor quer será repartido em partes iguais entre as duas empresas. A 19 de junho, ambas as partes notificaram a AdC.

De acordo com o comunicado dos CTT, “os dois grupos possuem competências complementares que irão aproveitar na criação de um marketplace que preste serviços integrados de intermediação de relações comerciais entre comerciantes e consumidores”. O projeto “constitui uma forte aposta no desenvolvimento do comércio eletrónico, com foco nas PME e marcas portuguesas, através de um posicionamento assente em proximidade, numa experiência de compra simples, segura e conveniente e com uma oferta abrangente de produtos e serviços disponibilizados online por cada vez mais empresas”.

Para os CTT, representa “mais um passo na estratégia de crescimento na área de comércio eletrónico” e no reforço da sua posição no segmento de Expresso & Encomendas, de acordo com a estratégia de diversificação do negócio que está a ser desenvolvida.

2018-12-12 | Atualidade Nacional

Como umd os maiores parceiros mundiais


2018-12-12 | Atualidade Nacional

2ª Conferência do Fórum Permanente para as Competências Digitais


Novas regras reforçam segurança no digital


Deverá ser uma das maiores operações de sempre


2018-12-12 | Breves do Sector

Empresa será uma subsidiária da plataforma


2018-12-12 | Breves do Sector

Para distinguir propostas tecnológicas inovadoras e disruptivas