Leilão do 5G arranca em outubro e termina em dezembro

2020-07-09 A ANACOM acaba de anunciar a atualização do calendário indicativo para a realização do leilão de frequências de 5G, depois da suspensão dos timings definidos em dezembro, com o impacto da crise da pandemia do COVID-19, que obrigou a suspender todo o processo. Assim, o regulador pretende iniciar o leilão já em outubro, decorrendo até dezembro. A atribuição dos direitos de utilização de frequências está prevista para janeiro ou fevereiro de 2021.

A consulta pública do projeto de regulamento do leilão para a atribuição de direitos de utilização de frequências para o 5G e outras faixas relevantes (700 MHz, 900 MHz, 1800 MHz, 2,1 GHz, 2,6 GHz e 3,6 GHz), que terminou na passada sexta-feira. De acordo com o regulador, foram recebidos 500 contributos vindos de organismos governamentais, os dois governos regionais, reguladores, instituições públicas, autarquias locais, prestadores de serviços de comunicações eletrónicas, fabricantes e o público em geral. O calendário indicativo refere que a aprovação do regulamento do leilão deverá acontecer em setembro.



2020-12-04 | Atualidade Nacional

Lisboa deve continuar a manter-se como a base do evento


2020-12-03 | Atualidade Nacional

Operadores tinham acordo que penalizava consumidores e concorrência, diz regulador


2020-12-03 | Atualidade Nacional

Vodafone avança com reformulação da queixa em Bruxelas


2020-12-03 | Atualidade Nacional

Parceria abrange os 3 pilares do Plano de Ação para a Transição Digital


2020-11-26 | Atualidade Nacional

Tomada de posição inédita surge com intensificar dos conflitos


2020-11-24 | Atualidade Nacional

Para promover desenvolvimento das redes pelos operadores