Indra e aeroporto de Atenas testam utilização de big data

2019-04-05 A Indra e o Aeroporto Internacional de Atenas demonstraram que o uso do big data pode ajudar a aumentar, através da análise do comportamento dos passageiros, o volume de compras que estes realizam antes do seu embarque, aumentando assim as receitas não aeronáuticas. Este foi um projeto piloto inserido no âmbito do Transforming Transport, uma iniciativa da UE para melhorar o transporte suportada por big data.

O Transforming Transport é um projeto de 18,6 milhões de euros, liderado pela Indra, onde participam 49 parceiros, é financiado pela Comissão Europeia através do programa Horizonte 2020 e pretende melhorar a logística e o transporte em todo o continente graças ao big data.

Os testes realizados no Smart Passenger Flow Pilot, em Atenas, mostraram que a análise de um grande volume de informação de diferentes fontes, juntamente com a utilização do sistema de tomada de decisões colaborativas da Indra —que faz parte da oferta de sistemas operacionais para aeroportos da empresa— permitiu ao aeroporto identificar os diferentes tipos de passageiro e elaborar modelos descritivos e preditivos do seu comportamento e necessidades.

Com estes dados, os estabelecimentos comerciais podem antever o perfil dos passageiros que vão receber para lhes proporcionar produtos e serviços mais atraentes. Também podem identificar os clientes que não conseguem captar e perceber porque razão não compram. 

Conhecer as características básicas do passageiro, tais como género, idade, destino ou saber quando é que vai fazer o check-in, a que horas vai passar o controlo da segurança e o tempo que passará no terminal é uma informação de grande valor para desenhar uma estratégia comercial de sucesso.  Permite ajudar a planear muito melhor os produtos a oferecer, o preço e o tipo de publicidade a utilizar e prever quantas pessoas haverá num momento dado em cada zona. Com todos estes dados na mão pode-se estabelecer, inclusivamente, a probabilidade que cada passageiro tem de comprar e em que momento o fará.

Neste sentido, a Indra desenvolveu uma oferta completa de soluções denominada Indra Mova Solutions que, através da linha Mova Traffic, permite a otimização da gestão de infraestruturas e a operação de diferentes meios de transporte, incluindo um portfolio completo de sistemas operacionais especializados na gestão em tempo real e planeamento dos recursos dos aeroportos. Igualmente destacam-se as suas soluções para melhorar a experiência do passageiro, englobadas na linha Mova Experience.

Esta linha Indra Mova Solutions integra a oferta para liderar a tecnologia para os transportes e smart mobility, com a qual se cobre de forma integral todo o ciclo de vida dos projetos dos seus clientes de transportes. Esta oferta está assente na combinação das novas capacidades digitais, de integração, especialização e inovação que o mercado procura, juntamente com a fiabilidade, o conhecimento do negócio, a tecnologia própria para o transporte da Indra e a experiência única da sua equipa de profissionais. Está composta por sete linhas de soluções: engenharia e consultoria, soluções de cobrança, operação e controlo, segurança, comunicações e experiência do passageiro e serviços aftermarket.
 

2019-04-18 | Atualidade Nacional

Na sequência da posição tomada pelo regulador


2019-04-18 | Atualidade Nacional

Anacom ficará com responsabilidade sobre o serviço informativo 118


Gigante já tem 40 contratos de 5G em todo o mundo


Estudo da Indra sobre transportes mostra como será o futuro


2019-04-24 | Breves do Sector

Altran realizou 4ª edição da iniciativa


2019-04-15 | Breves do Sector

Sistema de gestão de tráfego aéreo não tripulado poderá reduzir as emissões de CO2 até 25%